CINE DREAMS: FUTURE CINEMA OF THE MIND

Pioneiro da videoarte ocupa o planetário na ArtRio 2015

Projeto do cinegrafista experimental Stan VanDerBeek foi exibido pela primeira vez em 1972 e ainda hoje se encontra na vanguarda da videoarte. Por meio da compilação de 41 filmes, em projeção multimídia, o artista propõe a simulação de uma noite de sono, incluindo pesadelos, imagens abstratas e período de R.E.M, padrão do sono profundo. Pensada especialmente para exibições em planetários, a empresa de TV por assinatura SKY aproveita a estreita a relação entre seu nome e o projeto para trazer a montagem batizada de Cine Dreams: Future Cinema of the Mind pela primeira vez ao Brasil.
Sob curadoria do Estate do artista, curadoria nacional de Danniel Rangel e produção da Mega Cultural, a versão trazida ao Rio de Janeiro consiste na exibição simultânea dos filmes multimídia na cúpula do planetário, gerando um espetáculo que busca inter-relacionar as imagens ao cinema da mente, como “filmes mentais”, segundo o artista.

Curador: Danniel Rangel
Local: Fundação Planetário – RJ

  • dest-img
  • img-dest
  • img-dest